EVENTOS
29 | 03 | 2017
JOGO: SELEÇÃO NATURAL - Bicos de Pássaros

Aula: Ciências
Turma: 7º ano
Professora: Renata 

Neste jogo simulamos como a disponibilidade de alimentos no ambiente influencia a sobrevivência das espécies de aves. É um ótimo ponto de partida para falar de nichos ecológicos, seleção natural e evolução.
Para representar os recursos alimentares disponíveis em um determinado ambiente, podem ser utilizadas sementes de tamanhos variados e/ou artigos para bijuterias. Estes podem ser encontrados em lojas do ramo, em uma infinidade de formatos, cores e tamanhos. Basta garimpar um pouco para encontrar borboletas, libélulas, aranhas, escorpiões, joaninhas, sapos, lagartos… As sementes podem ser substituídas por miçangas coloridas.
Para simular os diferentes formatos de bicos das aves utilizamos pinças, tesouras, alicates, prendedores de roupa. Durante o jogo os alunos percebem que alguns instrumentos são mais eficazes para manusear “alimentos” pequenos, outros são mais indicados para “alimentos” maiores.
Os “alimentos” devem ser misturados e colocados em um bandeja. Cada aluno recebe um instrumento diferente e um potinho. Quando é dada a largada, cada aluno deve tentar “capturar” o maior número de itens na bandeja e depositá-los no potinho. Ao final da rodada (determina-se um tempo de 30 a 60 segundos), os itens capturados por cada aluno são comparados. A comparação pode ser feita no “olhômetro” ou com o auxílio de uma balança de precisão (pois os itens são muito leves).
O objetivo da aula é falar de evolução, vale a pena comentar o caso dos tentilhões encontrados nas ilhas de Galápagos, estudados por Darwin no século XIX. Em cada ilha existem diferentes fontes de alimento, resultando em diferentes pressões seletivas sobre os tentilhões que vivem no arquipélago. Darwin observou que as espécies de tentilhões encontradas em cada ilha são diferentes, e extremamente adaptadas ao alimento disponível. Isso se reflete no formato de seus bicos.